CANAIS

Denúncias de ‘fura-filas’ da vacinação contra Covid-19 na Paraíba podem ser feitas anonimamente e promotora de Saúde pede provas para investigação

Publicado em quarta-feira, Janeiro 20, 2021 ·

Após vir à tona, denúncias de pessoas ‘furando a fila’ de vacinação contra a Covid-19 no município em Campina Grande, a promotora de Justiça da Saúde, Adriana Amorim, informou que vai solicitar ao secretário de Saúde a lista de vacinados. A ideia é apurar desde a chegada das doses da Coronavac. Além disso, revelou ao ClickPB, durante entrevista, que, para que, denúncias sejam feitas é necessário apresentação de provas (fotos, vídeos) para início da investigação.

É possível fazer a denúncia de forma anônima ou nos casos necessários pedir o sigilo. Pode ser feito por meios que o Ministério Público da Paraíba (MPPB) dispõe. “Nós temos vários canais, inclusive de denunciar de forma anônima. É importante que apresente alguma prova, uma foto. Não vai adiantar fazer a denúncia e não apresentar nada. É preciso que haja algo realmente que ajude na investigação”, afirmou em entrevista ao ClickPB.

É possível denunciar no canal de Ouvidoria (www.mppb.mp.br), protocolo eletrônico – nesse caso será necessário se identificar, porém é possível pedir o sigilo e anonimato ou mesmo pode comparecer presencialmente para denunciar. A denúncia ainda pode ser feita por e-mail. A promotora de Justiça da Saúde, de Campina Grande, Adriana Amorim, recomenda que o ideal é que a fotografia como provas.

“Estamos passando por um momento bem delicado. Você não pode deixar que um período tão importante já comece de forma irregular. É importante que todos colaborem, para que a gente possa acompanhar fiscalizando. A gente vai pedir essa lista ao secretário para acompanhar desde a remessa das doses”, frisou.

 

clickpb

 

 

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS


















INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627