Demência afeta 44 milhões de pessoas em todo o mundo

Publicado em quinta-feira, dezembro 5, 2013 ·

alzheimerO número de pessoas que sofre de demência em todo o mundo subiu 22% nos últimos três anos, para 44 milhões, podendo vir a triplicar em 2050, de acordo com um estudo divulgado esta quinta-feira.

O estudo da Alzheimer Disease International prevê que o número de pessoas que sofre da doença, em todo o mundo, atinja nesse ano os 135 milhões.

“É uma epidemia global e só vai piorar: se olharmos para o futuro, o número de idosos vai crescer drasticamente”, disse Marc Wortmann, diretor executivo da entidade internacional da doença de Alzheimer.

Neste sentido, apontou, “é vital que a Organização Mundial de Saúde torne a demência numa prioridade, para que o mundo esteja pronto para enfrentar essa condição”.

Na próxima semana, Londres acolhe uma cimeira do G8 (oito países mais desenvolvidos) dedicada precisamente à doença.

A demência é normalmente uma doença crônica causada por várias patologias do cérebro que afetam a memória, o pensamento, o comportamento e a capacidade para desempenhar as atividades quotidianas.

A doença de Alzheimer é a causa mais comum de demência e as estimativas apontam para que seja responsável por cerca de 70% dos casos.

 

Jornal de Notícias

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627