Delegada libera pai e antecipa: todos que tiveram contato com crianças mortas são suspeitos

Publicado em sexta-feira, novembro 11, 2011 ·

policialA delegada do Menor, Joana D’arc, confirmou agora há pouco ao Portal Correio, que o Kaio Felipe, 22 anos, pai das meninas mortas – supostamente por envenenamento – em João Pessoa, já foi liberado. Porém, todos que tiveram contato com as garotas estão sob suspeita.

De acordo com Joana D’ arc, o pai das crianças estava sendo apontado como autor de um possível estupro que teria causado a morte das meninas Kauêne Geovania da Silva, de 2 anos e 6 meses e Suzane Ferreira Vieira da Silva, de 1 ano e 3 meses.

Kaio Felipe, 22 anos, estava detido na Central de Polícia foi encaminhado para a Gemol onde vai se submeter a exames de integridade física, e em seguida, será liberado.

Envenenamento

O diretor do IPC, Humberto Pontes, confirmou no programa Correio Verdade, da TV Correio, que a criança Kauêne Geovania da Silva, de 2 anos e 6 meses, não sofreu violência sexual e foi envenenada possivelmente por uma planta.

O laudo sobre a Suzane Ferreira Vieira da Silva, de 1 ano e 3 meses, deverá sair ainda nesta sexta-feira (11).

Sepultamento

Familiares das vitimas disseram que o velório das irmãs vai ocorrer na manhã deste sábado (12), na capela do cemitério do Cristo Redentor, na Capital. O sepultamento está programado para ocorrer às 10h.

Hyldo Pereira/Portalcorreio

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627