Dedé anula Neymar, Vasco mantém arrancada e complica Santos

Publicado em quinta-feira, agosto 4, 2011 ·

vascoO Vasco ratificou diante do campeão da Copa Libertadores a reação no Campeonato Brasileiro. Na noite desta quarta-feira, o clube de São Januário derrotou o Santos pelo placar de 2 a 0 e subiu para a terceira colocação na Série A. E o triunfo ocorreu muito por conta da grande atuação do zagueiro Dedé, que, além de anular o atacante Neymar, maior estrela do futebol nacional, ainda deixou a sua marca. Diego Souza também balançou as redes rivais.

Com o resultado, o Vasco alcançou os 27 pontos na tabela de classificação, e ultrapassou o Palmeiras, que ficou apenas no empate por 1 a 1 com o Coritiba, e o São Paulo, clube que só entrará em campo nesta quinta-feira, quando terá pela frente o Bahia. Já o Santos, campeão sul-americano, se complicou no Campeonato Brasileiro – o time comandado por Muricy Ramalho soma apenas 11 pontos, e ocupa a indigesta 18ª posição, dentro da zona de rebaixamento.

O crescimento da equipe de São Januário e a queda santista na tabela de classificação resumiram o primeiro tempo no duelo desta quarta-feira. Embalado pelos bons resultados nas últimas rodadas, o Vasco dominou a etapa inicial e abriu o marcador logo aos 2min, quando Diego Souza, principal atleta cruz-maltino durante os 45min iniciais, acertou um lindo chute da entrada da área para vencer Rafael.

Melhor em campo e enfrentando um time lento, principalmente por conta da péssima atuação de Paulo Henrique Ganso, o Vasco manteve o forte ritmo e sacramentou a vitória ainda aos 20min da primeira etapa. Depois de cobrança de falta pela meia esquerda, o zagueiro Dedé se antecipou ao goleiro Rafael e tocou para as redes santistas.

Depois de cumprir o papel ofensivo, o camisa 26 se tornou o protagonista da partida ao anular Neymar. Diante da maior estrela do futebol brasileiro, e futuro companheiro de Seleção no amistoso contra a Alemanha, no próximo dia 10, Dedé se impôs e justificou os elogios recentes. Bem posicionado, seguro e com tempo de bola excelente, o defensor o número 11 santista e evitou qualquer tipo de ameaça do habilidoso adversário ao gol de Fernando Prass.

Invicto há seis jogos no Campeonato Brasileiro, o Vasco volta a campo no próximo domingo, às 18h30 (de Brasília), quando terá pela frente o clássico contra o Botafogo. Já o Santos, necessitado pela reabilitação na Série A, joga na mesma data, mas às 16h, diante do Ceará, na Vila Belmiro.

O jogo

Embalado pela ótima vitória conquistada no Estádio do Morumbi, o Vasco impôs um forte ritmo no início do confronto diante do Santos. O resultado da blitz do clube cruz-maltino deu-se logo aos 2min. Após sobra de bola na entrada da área, o meia Diego Souza dominou no peito e acertou um lindo chute, sem deixar a bola cair no chão. Um pouco adiantado, Rafael não conseguiu alcançar o arremate do camisa 10 rival.

O gol aumentou ainda mais a confiança do clube carioca, e, consequentemente, da torcida. O Vasco se manteve no campo ofensivo após abrir vantagem; entretanto, sofreu com a individualidade de Neymar cinco minutos depois do primeiro gol. Após cruzamento para a área, o camisa 11 apareceu livre dentro da área e cabeceou para fora, à esquerda da trave de Fernando Prass.

A resposta momentânea do Santos, entretanto, finou-se no lance de Neymar. A partir de então, o Vasco retomou o domínio e conseguiu chegar ao segundo gol. Aos 20min, Felipe levantou a bola para a área. O goleiro Rafael deixou a meta para dividir com o zagueiro Dedé, que subiu mais alto que o camisa 1 santista e tocou para as redes, aumentando a diferença no marcador.

Com dois gols de vantagem, o Vasco procurou diminuir o ritmo do confronto e impedir o Santos de crescer por intermédio da velocidade de Neymar e Borges. Quando o confronto estava morno, os refletores de São Januário trataram de esfriar ainda mais o duelo. Por volta dos 30min, parte da luz do estádio vascaíno caiu, e permaneceu assim por 15min.

A paralisação prejudicou o ritmo da partida até o final do primeiro tempo. Apenas o Vasco, embalado pela vantagem, criou um perigo ao gol de Rafael. Aos 53min, Fagner fez grande jogada pela direita e cruzou na medida para Felipe arrematar de primeira. No entanto, o experiente jogador isolou o arremate e perdeu a oportunidade de praticamente sacramentar a vitória.

Em desvantagem ao final do primeiro tempo, o Santos apostou em Neymar para mudar a situação do confronto. Ao invés de Paulo Henrique Ganso, sumido durante o duelo, o atacante retornava ao setor de meio-campo para criar jogadas ofensivas. Contudo, o jogador mais badalado do País sofreu com uma sombra, que se tornará amiga na Seleção Brasileira.

Convocado para o confronto diante da Alemanha, o zagueiro Dedé não se descuidou e venceu todos os duelos particulares contra Neymar. Seguro e bem posicionado, o camisa 26 vascaíno coroou a boa atuação ao impedir o camisa 11 no momento em que o clube de São Januário diminuiu o ritmo para apenas administrar o marcador.

A única vez em que o Santos conseguiu assustar o público em São Januário foi aos 26min, quando Elano cobrou falta para a área e viu Borges tocar livre para o gol. Bem colocado, Fernando Prass conseguiu espalmar e evitar o gol de honra visitante. A partir de então, o Vasco segurou o jogo e a segunda vitória consecutiva no Brasileiro.

FICHA TÉCNICA

Vasco 2 x 0 Santos

Gols:

Vasco: Diego Souza, aos 2min do primeiro tempo; e Dedé, aos 19min do primeiro tempo

Vasco
Fernando Prass; Fagner, Dedé, Anderson Martins e Jumar; Eduardo Costa (Diego Rosa), Romulo, Felipe e Diego Souza; Éder Luís (Leandro) e Alecsandro (Élton).
Técnico: Ricardo Gomes.

Santos
Rafael; Pará (Alan Kardec), Edu Dracena, Durval e Léo; Arouca, Danilo, Elano e Paulo Henrique Ganso; Neymar e Borges.
Técnico: Muricy Ramalho.

Cartões Amarelos
Vasco: Romulo, Felipe e Diego Rosa
Santos: Edu Dracena, Neymar e Léo

Árbitro
Héber Roberto Lopes (PR)

Local
Estádio de São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)

Terra

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627