Crise na Polícia Civil da PB; efetivo é pequeno e metade estará aposentada em seis anos

Publicado em terça-feira, Fevereiro 7, 2012 ·

policia greveO efetivo da Polícia Civil da Paraíba é insuficiente para investigar a criminalidade do Estado. Isso é o que revelam os dados da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social da Paraíba.

A Lei Estadual de nº 4268 / 05 Agosto de 1981 remete ao Governo do Estado da Paraíba o comprometimento em fornecer aproximadamente 9 mil homens para acompanhar as investigações criminais.

No entanto, atualmente na Paraíba, apenas 1.917 homens compõem a Polícia Civil, o que representa 21% do que estabelece a lei.

Os dados revelam ainda que a maioria dos policiais civis tem mais de 40 anos de idade, tendo em vista que dos 1.917 policiais civis, 52% trabalham há mais de 24 anos, ou seja, irão se aposentar em 6 anos.

Restando então, 47% dos homens que tem 8 anos de serviço.

Estatísticas preocupantes

O número reduzido de policiais civis na Paraíba preocupa ainda mais, quando se leva em consideração que apenas nos primeiros 30 dias deste ano, 145 pessoas foram assassinadas. Na maiorias dos casos, as investigações não foram concluídas.

Concurso Público

O último concurso realizado pelo Governo do Estado, com o objetivo de completar o efetivo da Polícia Civil foi realizado no ano de 2008. Dos candidatos aprovados, apenas 150 foram convocados.

Pollyana Sorrentino/Portalcorreio

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627