Chikungunya e dengue: quais as diferenças e como se prevenir das doenças

Publicado em sábado, maio 2, 2015 ·

dengueO mosquito Aedes aegypti, conhecido como o causador da dengue, pode transmitir também uma nova doença que, de acordo com dados do Ministério da Saúde, já afetou milhares de pessoas: a febre chikungunya. Seus sintomas são similares aos da dengue, o que faz com que muita gente confunda as doenças.

Sintomas da febre chikungunya

De acordo com Alberto Chebabo, infectologista do laboratório Sérgio Franco Medicina Diagnóstica, quadro clínico inicial, com febre e dores de cabeça, é idêntico. A diferença entre dengue e chikungunya é, basicamente, o tipo de dores no corpo. “Na dengue, o paciente tem mais dores musculares e na chikungunya, dores articulares, que, inclusive, podem se prolongar por semanas nos casos mais complicados”, explica.

Exames para diagnosticar chikungunya

Por causa dessas diferenças, alguns exames clínicos e laboratoriais – ambos feitos por meio de coleta de sangue sem necessidade de preparo prévio ou jejum – são necessários para que haja um diagnóstico correto.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

No caso do PCR, exame feito por biologia molecular que indica a presença do vírus CHIKV, que diagnostica o paciente como portador do vírus causador da febre chikungunyaa, a recomendação do médico é que a coleta seja feita nos primeiros dias após o início dos sintomas, pois a positividade desse exame cai depois da primeira semana de doença. “É muito importante que o paciente faça uma consulta com um especialista se aparecer algum dos sintomas. Quanto antes a doença for descoberta, menores as complicações e maiores são as chances de o tratamento ser bem-sucedido”, afirma

Já para realizar a sorologia, que confirma a presença de anticorpos contra o vírus, a recomendação é de que o paciente espere pelo menos até o quinto dia de sintomas.

Como se prevenir da dengue e chikungunya

As formas de prevenção das duas doenças também são as mesmas e a principal delas é o combate ao mosquito. Evite o acúmulo de água parada. Para isso, encha os pratinhos de plantas com areia, mantenha lixeiras, vasos sanitários e caixas-d’água fechados, recolha os entulhos do quintal e mantenha as piscinas cobertas”, orienta.

Bolsa de Mulher

Comentários

Tags : , , , ,

REDES SOCIAIS









ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627