Bananeiras implanta Centro de Atividades do programa Viva Vôlei

Publicado em sábado, agosto 23, 2014 ·

 

voleiO município de Bananeiras, no brejo da Paraíba, é o primeiro da região a implantar um Centro de Atividades do Programa Viva Vôlei. A solenidade de lançamento do programa aconteceu nesta sexta-feira, 22 de agosto, no Centro Cultural Oscar de Castro.

 

O Secretário de Esportes do município, Gilberto Veras, destacou que o apoio da Prefeitura na realização de vários eventos esportivos tem sido importante e que o Viva Vôlei é mais um projeto que engrandece a prática esportiva no município. Já a Secretária de Educação, Carolina Ramalho, disse que; “o momento é de muita alegria porque celebramos mais uma conquista.”. A secretária lembrou que a atual gestão tem se empenhado muito para garantir políticas públicas de qualidade para as crianças e adolescentes.

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O Presidente da Casa Legislativa do município, Ramon Moreira, lembrou que em sua infância não haviam oportunidades como essas, e que por isso torce para que os alunos que participarão do programa, abracem o projeto com muita vontade e busquem a profissionalização.

 

Para o Prefeito Douglas Lucena, o Programa permite que crianças e adolescentes tenham um melhor acesso ao esporte que é um dos mais praticados no País. “O Viva Vôlei é mais que uma recreação, é uma possibilidade de transformar a vida da criança e do adolescente.” Finalizou.

 

Atender às comunidades de baixa renda em todo o Brasil, buscando educar e socializar as crianças através do esporte, promovendo a integração e inserção social e reduzindo a evasão escolar, são objetivos do Programa.

 

O lançamento contou com as presenças do Secretário Executivo de Esportes do Estado da Paraíba, Zé Marco, Supervisor da Confederação Brasileira de Vôlei e Coordenador do Programa Viva Vôlei e autoridades locais.

 

Sobre o Viva Vôlei

 

O Viva Vôlei é um projeto de iniciação ao voleibol, cuja diretriz é educar e socializar meninos e meninas de 7 a 14 por meio do esporte. Foi iniciado em 1999 pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV). Em 2003, foi criado o Instituto Viva Vôlei, para gerenciar o projeto, que tem a chancela e o apoio institucional da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

 

O Ministério da Justiça, por meio da Secretaria Nacional de Segurança Pública, integrou o Viva Vôlei ao Plano Municipal de Ordem Pública, como atividade de prevenção à violência e de integração social da criança e do adolescente.

 

Atualmente existem 75 centros em atividade, atendendo cerca de 30 mil crianças e adolescentes de comunidades carentes em 13 estados brasileiros, gerando aproximadamente 350 empregos diretos e indiretos.

 

CODECOM-Prefeitura de Bananeiras/PB

Comentários

Tags : , , ,

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627