Assessor de comunicação de Mari diz que foi humilhado por diretor de emissora comunitária

Publicado em quinta-feira, setembro 12, 2013 ·

pedro graciano

O assessor de comunicação da prefeitura de Mari Pedro Graciano(FOTO) durante entrevista a redação do www.professorjosa.com.br disse que o diretor da emissora comunitária Araçá FM de Mari, Severino Ramo, mais conhecido por Ramos da rádio, não tem humldade e que guarda rancor e ódio contra as pessoas.

Ele também disse que foi humilhado por Ramos, que o chamou de mal caráter, mentiroso e chegou ao ponto de dizer que se tivesse no estúdio da emissora teria se agarrado com ele, numa total afronta a Pedro Graciano. “O último dia 06 de setembro vai ser o dia que vai marcar a minha vida, pois foi o dia que me senti mais humilhado pelo presidente da rádio comunitária Araçá  FM de Mari, o senhor Severino Ramo.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Fui constrangido perante a minha família, o dano moral é grande. Todos sabem que tenho filhos pequenos, tias que tem problemas de saúde e que passaram mal. Já os meus filhos me perguntavam sobre o assunto, sem saberem  o motivo, o que foi constrangedor e humilhante para mim, um cidadão mariense como sou, que contribui de forma voluntária por sete anos para essa emissora local.

 

Em 2009 fui expulso dessa emissora por motivos políticos. Esse diretor da emissora tem muito rancor e ódio, não entendo isso”, disse Pedro Graciano. “Fui a emissora exercer a minha funcão de assessor de comunicação da prefeitura, quando fui maltratado, simplesmente por ter ido prestar informações a comunidade de Mari, quando fui passar informações que a própria emissora estava cobrando.

 

Quando sai do estúdio da rádio Araçá FM, comunitária local, fiquei surpreso ao saber que Ramos se dirigiu a mim de forma agressiva e humilhante, mandando que eu tivesse vergonha na cara, dizendo que eu era mentiroso e que não tinha caráter.

 

No dia seguinte participei do programa que ele apresenta (Ramos) quando ele reafirmou tudo novamente e não teve a humildade de pedir desculpas pelo que fez para comigo.Não sei se é um problema pessoal, mas acredito que é mais uma questão política.

 

Fico triste em perceber esse procedimento de uma emissora comunitária da cidade. Todos em Mari sabem que sou uma pessoa de caráter, de princípios, meus pais me educaram bem.

 

Eu sei respeitar as pessoas. Mari sabe que sempre respeitei as pessoas”, pontuou o radialista Pedro Graciano, que faz a assessoria da prefeitura de Mari.

 

Da redação do blog do professor Josa

 

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS


















INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627