5 x 1: Veneziano é absolvido em julgamento que pedia sua cassação no TRE

Publicado em terça-feira, Janeiro 17, 2012 ·

venezianoAtualizado às 16h42

O julgamento do prefeito Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) foi a primeira matéria da sessão desta terça (17) do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB).

O desembargador Márcio Murilo e o juiz Sylvio Porto também negaram o provimento do processo e por 4 votos a 1 o mandato do prefeito Veneziano foi mantido.

Atualizado  16h

O Juiz João Bosco Medeiros e o Juiz Márcio Acioli votaram negando o provimento do processo, mantendo o mandato do prefeito campinense. Neste momento o desembargador Márcio Murilo, que substitui o vice presidente do Tribunal está dando seu voto.

Faltam apenas dois votos: o do desembargador e o do juiz Silvio Porto.

15h

O relator, Juiz João Batista Barbosa votou por cassar os mandatos do prefeito e seu vice José Luiz, pela prática de abuso de poder econômico e político, determinando a posse dos candidatos classificados em segundo lugar.

O juiz Miguel de Britto Lyra Filho votou pela manutenção no cargo e o julgamento segue empatado

Neste momento o juiz João Bosco Medeiros de Sousa está expondo seu voto.

Em pauta, estão os processos que pedem a cassação de quatro prefeitos: Veneziano Vital do Rêgo (Campina Grande), Glória Geanne (Uiraúna), Antônio José Ferreira (Mogeiro) e Deusimar Pires Ferreira (Aparecida).

Os processos contra Veneziano e Glória Geanne já tiveram o julgamento iniciado em 2011. O relator de ambos os processos é o juiz João Batista Barbosa, que se posicionou pela cassação dos gestores. Os processos estão com pedido de vista do juiz Miguel de Britto Lyra.

Os membros da Corte eleitoral vão ainda analisar os processos contra os prefeitos Deusimar Pires Ferreira, de Aparecida e Antõnio José Ferreira, de Mogeiro. Os dois respondem a ações de investigação judicial eleitoral (Aijes), julgadas improcedentes na primeira instância.

Marília Domingues

Paraíba.com.br

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627